Dia dos Avós

No âmbito do Projecto “ MICAS “, a Rede Social de Castelo de Paiva sinalizou ontem o Dia dos Avós, com uma iniciativa organizada pela ARPIP – Associação de Reformados Pensionistas e Idosos de Pedorido, que juntou os utentes de várias instituições do concelho, numa jornada de salutar convivialidade e muita animação.

qui 27 jul, Ação Social


Para além da ARPIP, presidida por Luís Costa, que foi a entidade anfitriã, participaram na iniciativa, a Santa Casa da Misericórdia de Castelo de Paiva, o Centro Social de Real, o Centro Social de Santa Maria de Sardoura, o Centrum F de Fornos, o Centro Social do Couto Mineiro do Pejão e o Centro Cívico “ Viver S. Martinho “.
Sob o lema da partilha e da solidariedade, o programa da jornada contemplou uma missa na Igreja de Pedorido, celebrada pelo Reverendo Padre Arlindo Rafael, um almoço de confraternização numa esplanada junto ao Rio Arda, bem como apresentações por parte das instituições presentes, com o resto da tarde a ser reservado para as cantigas e danças, bem como um lanche convívio com partilha de bolo entre os participantes, destacando-se a entrega de certificados e lembranças às instituições presentes, entre outras actividades lúdicas e recreativas.
Na sua intervenção, o presidente da ARPIP, Luís Costa, evidenciou a sua satisfação por voltar a organizar esta iniciativa, agradeceu a presença de todas as instituições e congratulou-se com o entusiasmo que todas demonstraram nesta participação, assinalando um dia tão especial, ao mesmo tempo que, o presidente da Câmara Municipal, Gonçalo Rocha, mostrou-se agradado com o ambiente de alegria e confraternização que foi possível criar para assinalar este dia dedicado aos avós, ao mesmo tempo que a todos deixou uma mensagem de esperança e o reconhecimento às IPSS de Castelo de Paiva pelo louvável trabalho que têm vindo a desenvolver para que os idosos e os seus utentes tenham uma vida mais preenchida mais dinâmica e mais alegre, no convívio e no contacto entre todos, permitindo uma vivência mais sadia e um convívio salutar entre todos.
O edil paivense referiu ainda, que celebrar o Dia dos Avós significa comemorar a experiencia da vida, reconhecer o valor da sabedoria adquirida, não apenas nos livros, nem nas escolas, mas essencialmente no convívio com as pessoas e com a própria natureza, daí enaltecer o gosto por ser possível, uma vez mais, promover este convívio com os utentes das IPSS do concelho, num ambiente de grande alegria e confraternização.

mais notícias
GIPFarmáciasBombeirosMunicípioVeterinárioContactos
Desenvolvimento
Castelo de Paiva 2013
Todos os direitos reservados