Saneamento é Prioridade

A aposta da CM de Castelo de Paiva na área do saneamento básico continua a ser assumida como uma prioridade, e se recentemente, foi concluída a transferência da passagem da conduta da ponte centenária em Pedorido, para a ponte nova sobre o Rio Arda, permitindo alargar este serviço a várias localidades da Raiva, nomeadamente a núcleos urbanos mais populosos desta zona do Couto Mineiro do Pejão, agora concretizou se investimento na freguesia de Sobrado, na zona urbana da vila, onde foram desactivadas as fossas localizadas na Ranha, e através de uma Estação Elevatória ali situada, foi concluída a ligação à ETAR de Fornos, que passou a receber as descargas directas.

 

qua 16 jan, Urbanismo

Sublinhando a importância destes melhoramentos, o Vice - Presidente da edilidade, Antonio Rodrigues, comentou o interesse para as populações deste alargamento do serviço, agora concretizado, nesta zona urbana de Sobrado, e realçou que o saneamento continuará a ser uma prioridade para a autarquia, que vai manter a intenção de investir nesta área da intervenção municipal, assegurando melhor qualidade de vida, garantindo melhor saúde pública e um ambiente menos poluído e mais saudável.

Recorde-se que, através da SIMDOURO, foi possível colocar em funcionamento a ETAR de Pedorido, uma estrutura fundamental para a melhorar o ambiente e qualidade de vida da população paivense, nomeadamente do Couto Mineiro do Pejão, servindo na primeira fase, os lugares de Além do Ribeiro, Eirado e Picão, mais tarde concretizado o alargamento à zona da Póvoa, e mais recentemente, efectivada a passagem da conduta na ponte nova sobre o Rio Arda, à zona urbana de Oliveira do Arda e a outros lugares do território da União de Freguesias de Raiva, Pedorido e Paraíso.

No domínio do saneamento em Castelo de Paiva, foi previsto um investimento de cerca 2.9 milhões de euros, contemplando a instalação de 2 quilómetros de interceptores, a construção de 2 estações elevatórias e de 3 Estações de Tratamento. Estas infra-estruturas permitem recolher os efluentes da rede “em baixa” já existente, abrangendo principalmente, as freguesias de Fornos, Pedorido, Raiva, Santa Maria de Sardoura, São Martinho de Sardoura e Sobrado.

As ETAR's de Fornos, de Pedorido e de S.ta Maria de Sardoura estão dotadas com tecnologia actualizada e eficiente, possibilitando a recolha e tratamento dos esgotos de cerca de 10 000 habitantes através de soluções tecnologicamente avançadas e sustentadas, permitindo contribuir para a preservação ambiental e melhoria significativa da água do Rio Douro, e proporcionar às gerações actuais e futuras uma melhoria significativa da sua qualidade de vida.

A ETAR de Pedorido, que está em funcionamento desde Abril de 2017 e está preparada para beneficiar mais de 1000 habitantes na zona do Couto Mineiro do Pejão, apresentando um tratamento biológico por lamas activadas em regime de arejamento prolongado e representando um custo a rondar os 300.000 euros.

Por outro lado, a entrada em funcionamento desta infra-estrutura permitiu tratar as águas residuais e, consequentemente, melhorar a qualidade das águas do Rio Douro e de vida da população local, sendo que estes investimentos foram co-financiados pela União Europeia, através do Programa Operacional Temático de Valorização do Território, no âmbito do QREN.

mais notícias
Contadores Inteligentes de EletricidadeGIPFarmáciasBombeirosMunicípioVeterinárioContactosPiscina
Desenvolvimento
Castelo de Paiva 2013
Todos os direitos reservados